E se a Dona Lúcia escrevesse para a NFL… carta dona lucia para a nfl - Relacionado Full view

E se a Dona Lúcia escrevesse para a NFL…

“Oi meninos e meninas que gostam de futebol americano, sou a Dona Lúcia. Graças ao grande sucesso que minha cartinha de apoio à Seleção Brasileira que ajudou eles a melhorarem seu desempenho na Copa, resolvi ajudar outros rapazes em outros esportes e meu neto David me contou umas histórias de futebol americano e quero poder ajudar esses meninos também. Quero falar diretamente com alguns:

Tony Romo, não entendo de NFL, nem de futebol americano, mas entendo de pessoas. Sei o que você tem passado esses anos aí em Dallas, não estão sendo tempos fáceis, eu sei. Deve ser muito difícil ser o responsável por lançar a bola aos seus amigos. Aliás, não sei como podem chamar aquilo de bola, mais parece um ovinho de páscoa, bola para mim é redonda, como aquela usada pela seleção do Professor Felipão.

Deve ser duro falhar em momentos decisivos, mas saiba, que só erra quem tenta, então não fique triste com as críticas e com aqueles que te ofendem, pois estão tentando te ofender e isso é muito triste. Saiba que o ser humano é muito cruel, erga a cabeça e viva, só erra quem tenta.

Outro rapaz injustiçado com quero conversar é o rapaz que joga a bola naquele time do cavalinho. Meu neto me contou que ele perdeu uma final de maneira muito dolorida, fez um mau jogo, não me lembro o nome dele, mas quero dizer que erros acontecem em nossas vidas e isso não pode ser motivo para desistir dos seus sonhos, pegue todas as críticas e transforme em motivação para seu trabalho, filho. Lembre-se que o choro pode durar uma noite, mas o riso vem logo pela manhã.

Meu netinho me contou também que o irmão do rapaz do time do cavalinho teve um péssimo ano jogando no time da cidade de Nova Iorque, cidade que sonho em conhecer. Ele foi interceptado muitas vezes, não sei o que isso quer dizer, mas deve ser algo ruim, porque enquanto me contava, meu neto esbravejava contra ele. Acho que o nome desse rapaz é Ilai (não sei escrever em inglês, mas sei entrar em sites em inglês para mandar e-mails). Ilai, que essa fase complicada que passou ano passado, sirva de motivação para superar os obstáculos e realizar seus sonhos.

Recebam um abraço de uma brasileira anônima, que não conhece muito de futebol americano, mas que o admiram e que sabe que fizeram o melhor”.

Não entendeu? Clique aqui ou aqui.

*Este é um texto colaborativo, o qual representa a opinião do autor e não a opinião do 11jardas.com ou de seus editores* Quer ser um colaborador do 11 Jardas? Então cadastre-se em 11jardas.com/PARTICIPE.*

Escrito por Carlos Oliveira

Colinense, sou apaixonado por esporte e adoro escrever. Já fui radialista e jornalista esportivo. Sempre me interessei por futebol americano, mas foi em 2010 entrei de vez no mundo do FA, quando comecei a acompanhar os jogos e estudar o esporte, não sou um expert, mas a cada procuro me informar e aprender mais sobre FA. Sou torcedor dos Patriots.

  • Lorêda

    Queria ler uma resposta da cartinha que a dona Lúcia poderia mandar para o Richard Sherman

    • Carlos Oliveira

      Vamos contar a história do Sherman para a Dona Lúcia, vamos ver o que ela fala rs

  • maria José

    Não sei o que é site. Minha mensagem nada tem a ver com futebol americano.