Introdução à temporada de Futebol Americano no Brasil (parte 1/3)

Janeiro e boa parte de fevereiro é o período de off season (fora de temporada) do futebol americano praticado no Brasil (também conhecido como FABR). Vamos aproveitar para fazer uma breve apresentação de como funciona a temporada do futebol americano praticado por aqui e as competições que estão previstas em solo nacional para 2016. São muitos campeonatos, então dividiremos o texto em 3 publicações para não ficar uma leitura cansativa. No final deste texto, você encontrará os links para as partes 2 e 3.

Nesta primeira parte, uma breve explicação de como é o calendário do FABR, o que é a CBFA e quais são os campeonatos estaduais e interestaduais previstos para esta temporada de 2016. Lembrando que muita coisa pode mudar, podem surgir novos campeonatos e alguns menores ficarem de fora da lista por desconhecimento de sua existência, pois ainda é difícil monitorar TODAS as competições. A ideia do texto é dar uma ideia geral de como é a temporada do futebol americano praticado no Brasil. Vamos lá, então:

No Brasil, existem várias competições de futebol americano todo equipado (mais de 10, para se ter uma ideia) e mais algumas outras competições de modalidades derivadas do futebol americano, como o Flag Football (5×5 e 8×8), o Futebol Americano na areia (Beach Football) e o Futebol Americano sem equipamentos (No Pads).

A temporada vai do final de fevereiro até dezembro, mas a duração de cada competição varia. Tem competição que começa e termina no mesmo mês e tem competição que se estende por meses, por exemplo. Algumas que começam no primeiro semestre e outras no segundo, porém nenhuma que dure o ano todo. O Campeonato Paulista de Flag 8×8 da APFA chega bem próximo disso, com duração de março a dezembro. Para quem está acostumado com a maior liga de futebol americano do mundo, a National Football League (NFL), claro, e está chegando agora ao mundo do FABR, pode estranhar o nosso extenso e diversificado calendário. Tem football praticamente o ano todo!

Vale ressaltar que TODAS as competições por aqui são AMADORAS, tem as mais e menos organizadas, mas no final das contas, não existe nenhum time ou competição profissional. Ou seja, o fato de ter várias competições e times pelo Brasil não quer dizer que a grana está rolando solta no FABR. As pessoas que têm uma renda (qualquer) obtida por meio do futebol americano praticado no Brasil são poucas, e as que conseguem uma renda minimamente significativamente, então… Mas vale ressaltar, que atletas estrangeiros geralmente recebem um salário, eles, na maioria dos casos, são realmente contratados. E claro, tem atletas brasileiros que também possuem um salário ou uma ajuda de custos, que seja, mas são a minoria.

Voltando à questão do calendário, é mais fácil assimilá-lo com o calendário brasileiro do futebol bretão (soccer). Temporadas que começam e terminam dentro do mesmo ano, por exemplo. Outro detalhe que se assemelha ao futebol da bola redonda é que no primeiro semestre acontece a maioria dos campeonatos estaduais e interestaduais, enquanto no segundo semestre acontece os campeonatos maiores, inter-regionais, competições com relevância nacional.

No FABR, as regras seguidas são baseadas nas regras da Federação Internacional de Futebol Americano (IFAF, sigla em inglês) e da National Collegiate Athletic Association (NCAA), entidade máxima que rege os esportes universitários nos EUA, e não no livro de regras da NFL. [Leia/baixe o “Livro de Regras e Interpretações do Futebol Americano para o Brasil 2015”]

Os jogos por aqui acontecem quase em sua totalidade aos finais de semana, salvo raras exceções, de feriados prolongados, por exemplo, em que pode acontecer de se ter jogos em dias de semana também. As partidas geralmente são realizadas pela manhã e à tarde. É mais difícil de termos jogos à noite, porque geralmente os locais dos jogos não possuem iluminação artificial ou o seu uso é inviável (por questões financeiras, por exemplo, já que a iluminação elétrica gera um custo para o administrador do estádio/local de jogo).

Valores de ingressos… Muitos jogos tem entrada gratuita, a maioria. Mas quando há cobrança de ingresso, geralmente fica entre R$10,00 e R$20,00. Finais de campeonatos em arenas ou estádios de grande porte costumam ter um preço maior, claro.

Cheerleaders e mascotes… Muitos times tem suas cheerleaders, mas ainda não é algo tão comum ou que esteja totalmente incorporado ao F.A. por aqui. Os mascotes também existem em alguns poucos times, infelizmente. O mais conhecido é o Dino, mascote do T-Rex (de Timbó – SC), que faz grande sucesso com a criançada e com os adultos também. O T-Rex faz muito bom uso do Dino, que é um mascote muito ativo nas ações e jogos do time de Santa Catarina. E o Dino é a carisma em pessoa… Ou melhor, em dinossauro.

dino
Dino (mascote do T-Rex) – Foto: Claverson Montanha.

Quem gerencia o Futebol Americano praticado no Brasil?

Além da Confederação Brasileira de Futebol Americano (CBFA), existem federações estaduais, associações e outras empresas privadas que gerenciam o futebol americano no Brasil.

  • Confederação Brasileira de Futebol Americano – CBFA

A CBFA, antes Associação de Futebol Americano do Brasil (AFAB), é a entidade responsável pela Seleção Brasileira de Futebol Americano (masculino) e pela Seleção Brasileira de Flag Football (5×5 – feminino), além de ser organizadora da Superliga Centro Sul de F.A., Liga Nacional de F.A., Brasil Bowl e Circuito Nacional de Flag Football 5×5 (masculino e feminino). A CBFA também tem o compromisso de dialogar com as federações estaduais. A Confederação Brasileira de Futebol Americano ainda não é uma entidade cadastrada no Ministério do Esporte, logo não tem qualquer auxílio financeiro federal. O atual presidente da CBFA é Guto Sousa, ex-presidente do João Pessoa Espectros da Paraíba. O mandato de Guto começou em janeiro de 2015.

CAMPEONATOS ESTADUAIS E INTERESTADUAIS

Agora é hora de começar a se familiarizar com os campeonatos estaduais e interestaduais de futebol americano (todo equipado) pelo Brasil. Do Sul ao Norte, essas são as competições aguardadas para 2016, baseando-se principalmente na temporada de 2015, mas há algumas novidades já confirmadas para 2016:

Campeonato Gaúcho de F.A. – Federação Gaúcha de Futebol Americano (FGFA)

Em 2016, será 8ª edição do Gauchão de F.A., desde 2012 jogado com todos os equipamentos (full pads). Porém, a FGFA é recente, foi constituída em outubro de 2014, sendo o Campeonato Gaúcho de 2015 o primeiro com a organização da federação estadual. A FGFA surgiu com o propósito de organizar o F.A. do Rio Grande do Sul, que entre os estados da região Sul, era o mais “atrasado”. O Campeonato Gaúcho de Futebol Americano 2016 terá 10 equipes brigando pelo título, 3 a mais que a edição do ano anterior. O atual campeão é o Juventude F.A. [SAIBA OS DETALHES DO GAUCHÃO 2016, clicando aqui].

Temporada 2016: Fevereiro – Junho.

Campeonato Catarinense de F.A. – Federação Catarinense de Futebol Americano (FCFA)

O Campeonato Catarinense de Futebol Americano vai para sua 11ª edição em 2016, desde 2009 é full pads. A FCFA existe desde 2009 e hoje é, sem dúvidas, a federação mais organizada e ativa no trabalho de desenvolvimento e divulgação do esporte. Com a parceria de Ana Lazarotto e Piramon Araújo, o trabalho realizado pela FCFA em 2015, presidida por Marcos Pires “Marquinhos”, transformou a entidade em referência de um trabalho de gestão sério e muito bem realizado. A Seleção Brasileira de Futebol Americano (Brasil Onças) só conseguiu viabilizar sua 1ª participação em uma Copa do Mundo (em 2015, nos EUA) graças ao patrocínio master da FCFA. Sim, a confederação foi patrocinada por uma federação. Além do estadual, a FCFA também organiza a Copa Sul de F.A. e gerencia as seleções catarinenses Sub-20 e Sub-23/24.

A 10ª edição do Catarinense (2015) contou com 5 equipes e o time de desenvolvimento do Timbó Rex foi o campeão. A FCFA deve liberar informações sobre o Campeonato Catarinense de Futebol Americano 2016 em breve.

Em 2015: Março – Maio.

Copa Sul de F.A. – Federação Catarinense de Futebol Americano (FCFA)

Organizada pela FCFA, a Copa Sul de Futebol Americano é uma competição interestadual do Sul e conta com representantes de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. A competição tem como objetivo desenvolver os times que estão iniciando ou atender os times que estão se reestruturando e que não tem agenda de jogos para o segundo semestre. Em 2015, foram 9 participantes (5 de SC, 3 do RS e 1 do PR) e o Santa Cruz Chacais, do Rio Grande do Sul, foi o campeão. Ainda não há maiores informação sobre a 4ª edição.

Em 2015: Julho – Dezembro.

Campeonato Paranaense de F.A. – Federação Paranaense de Futebol Americano (FPFA)

O Campeonato Paranaense de Futebol Americano existe desde 2009, ano de fundação da FPFA, e sempre foi disputado como full pads. A FPFA também se destaca no quesito organização e há pouco tempo era a principal referência na questão de gravação e divulgação dos jogos em vídeo. Todas as 7 edições do campeonato estadual foram vencidas pelo Coritiba Crocodiles (Barigui Crocodiles até 2011). Para 2016, serão 8 times participantes, assim como em 2015. [MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O PARANAENSE DE F.A., clique aqui]

Em 2015: Fevereiro – Junho.

Super Copa São Paulo de Futebol Americano – Federação de Futebol Americano de São Paulo (FEFASP)

Desde o fim da Liga Paulista de Futebol Americano (LPFA) ao final de 2014, São Paulo não tem um campeonato genuinamente estadual. E de 2012 a 2014, o Campeonato Paulista da LPFA não contava com todas as forças do estado, pois havia uma “concorrência” com a Super Copa São Paulo, organizada pela FEFASP, a qual tantos outros times paulistas faziam parte. Foram 3 anos com o F.A. de São Paulo dividido. Em 2015, após 5 edições, o Campeonato Paulista (full pads) e a LPFA deixaram de existir. Os times se uniram todos na FEFASP e assim a 4ª Super Copa São Paulo (2015) foi o primeiro campeonato unificado do estado desde 2011.

Contudo, apesar de ser organizada pela Federação de Futebol Americano de São Paulo, de não haver mais ligas “rivais” em São Paulo e todos os times paulistas poderem jogar juntos a mesma competição, a Super Copa São Paulo virou uma competição interestadual, já que a FEFASP recebe em sua competição times de outros estados também. Na edição mais recente, 2015, foram 2 times mineiros, 1 capixaba e 1 sul mato-grossense (que foi vice campeão). Minas Gerais e Mato Grosso do Sul não realizaram campeonatos estaduais em 2015. Enquanto que o representante do Espírito Santo, mesmo existindo o Campeonato Capixaba, optou por participar da competição organizada pelos paulistas. A 4ª Super Copa São Paulo (2015) começou com 22 participantes (sendo 18 equipes de São Paulo) e terminou com 20 equipes (Rio Branco F.A. do ES e Prudente Coronéis de SP abandonaram o certame durante sua realização). O atual campeão é o São Paulo Storm.

A FEFASP por hora, ainda não liberou informações sobre a 5º Super Copa São Paulo de Futebol Americano (2016).

Em 2015: Março – Julho.

Taça 9 de Julho – Federação de Futebol Americano de São Paulo (FEFASP)

É o campeonato do 2º semestre organizado pela FEFASP. A competição costuma contar com muitos times que disputaram a Super Copa São Paulo no 1º semestre, com exceção dos times que disputam o Torneio Touchdown, e com equipes em fase de reestruturação ou novas, que preferem participar de um campeonato um pouco menor e com um nível técnico um pouco mais baixo que a Super Copa, já que há a ausência dos principais times que estão na disputa dos campeonatos de nível nacional. Ainda não há informações sobre a 4ª edição da Taça 9 de Julho. O atual campeão é o Leme Lizards (de Leme-SP).

Em 2015: Setembro – Dezembro.

Campeonato Capixaba de Futebol Americano

O Campeonato Capixaba de F.A. era organizado pelos próprios times do Espírito Santo, sem nenhuma federação envolvida. Em 2016, está previsto o acontecimento do primeiro campeonato organizado pela Federação Espiritossantense de Futebol Americano. O Vila Velha Tritões é o atual campeão. Em 2015, foram apenas 3 participantes. Ainda não há maiores informações sobre a competição estadual em 2016.

Em 2015: Março – Abril.

Campeonato Mineiro de Futebol Americano – Federação Mineira de Futebol Americano (FEMFA)

Nesta temporada o Campeonato Mineiro de F.A. volta a ser disputado, a última edição foi em 2012. Em 2016, será a 3ª edição e terá o maior número de participantes em relação às edições passadas: 6 times. [SAIBA OS DETALHES DO CAMPEONATO MINEIRO, clique aqui].

Temporada 2016: Março – Maio.

NOTA: No Sudeste, o Rio de Janeiro ainda não realiza campeonatos estaduais de futebol americano equipado, apesar de possuir times equipados. Segundo a Federação de Futebol Americano do Rio de Janeiro (FeFARJ), a expectativa de realização do 1º campeonato estadual de F.A. é em 2017.

Campeonato Candango de Futebol Americano – Federação Brasiliense de Futebol Americano (FBFA)

O Campeonato Candango teve duas edições, a primeira em 2014 ainda como “Campeonato Brasiliense“. O Candangão 2015 teve 5 participantes (4 times do DF e um de GO). Leões de Judá, de Taguatinga-DF, é o atual campeão. A competição foi marcada pelo bom trabalho realizado pela FBFA no quesito divulgação, sempre disponibilizando material em vídeo para os meios de comunicação e com jogos transmitidos (via internet) ao vivo pela All Sports TV. Sobre a edição 2016, a grande novidade é filiação do Tubarões do Cerrado, primeiro time de Brasília e único representando do DF no Torneio Touchdown. A 3ª edição do Candangão terá 6 participantes. [+ informações sobre o Candangão de F.A. 2016, clique aqui].

Previsão 2016: Março – Junho

Campeonato Mato-grossense de Futebol Americano

O Campeonato Mato-grossense de F.A. é organizado pelos próprios times e em 2016 será a 2ª edição. Serão 5 times na disputa, as mesmas que participaram ano passado: Cuiabá Arsenal; Sinop Coyotes; Sorriso Hornets; Rondonópolis Hawks e Tangará Taurus. O atual campeão é o Arsenal. SAIBA OS DETALHES DO CAMPEONATO MATO-GROSSENSE 2016, clicando aqui.

Temporada 2016: Abril – Junho.

NOTA: No Centro-Oeste, Mato Grosso do Sul e Goiás não possuem campeonatos estaduais. Existem poucas equipes equipadas nesses dois estados.

Taça Pernambuco de Futebol Americano – Federação Pernambucana de Futebol Americano (FEPEFA)

Neste ano, será realizado o primeiro campeonato full pads estadual em Pernambuco. Serão 4 times participantes.

Temporada 2016: Abril – Maio.

Campeonato Paraense de Futebol Americano (Pará Bowl) – Federação Paraense de Futebol Americano (FEPAFA)

É aguarda para este ano a 3ª edição do Campeonato Paraense de Futebol Americano. Disputado desde 2014, por até então, apenas 2 equipes: Belém Titans e Vingadores F.A. (um título para cada, o mais recente do Vingadores). Para 2016, a FEPAFA conta com oito equipes full pads afiliadas, mas não é garantido que todas participarão do próximo estadual. Estamos aguardando novas informações sobre o Campeonato Paraense 2016.

Campeonato Amazonense de Futebol Americano (Manaus Bowl) – Federação Amazonense de Futebol Americano (FEAMFA)

O Manaus Bowl é disputado desde 2006. O maior campeão é o Manaus Cavaliers com 5 títulos, mas o atual campeão é o Ajuricaba Warriors. Ainda não informações sobre a 11ª edição do Manaus Bowl.

Em 2015: Maio – Setembro.

Jungle Bowl – Federação Amazonense de Futebol Americano (FEAMFA)

Competição interestadual nortista, realizada desde 2012. As três primeiras edições foram realizadas no Amazonas e ano passado foi disputada em Roraima. A expectativa é que a 5ª edição do Jungle Bowl seja realizada no Pará. O atual campeão é o Manaus Cavaliers (AM). Por enquanto, não há maiores informações sobre a edição deste ano.

Em 2015: Maio.

OUTRAS PARTES:
Parte 2: Torneio Touchdown; Campeonato Brasileiro de Futebol Americano (CBFA) e Torneio End Zone (F.A. feminino).
Parte 3: Flag Football (5×5 e 8×8); Futebol Americano na Areia e Futebol Americano sem equipamentos.

Eduardo Willy

O 11 Jardas foi meu projeto de TCC, sou bacharelado em Comunicação Social - Rádio e TV. Acompanho futebol americano desde o Super Bowl XLII (Giants x Patriots), o qual dormi no último e decisivo lance da partida. Sofro pelo Dallas Cowboys e aceito jerseys de times do FABR como presente, tamanho P. VLW FLW!

Website: http://11jardas.com

3 Comentários

  1. Pingback: Introdução à temporada do FABR: CBFA, TTD e TEZ (parte 2/3) - 11 Jardas

  2. Pingback: Introdução à temporada do FABR: Flag Football, Beach Football, No Pads (parte 3/3) - 11 Jardas

  3. Eber Barros

    Apesar de pular os 2 primeiros meses do ano, que é basicamente a época de pré-temporada das equipes, o Paulista de Flag da APFA em 2016 inicia em Março e vai até dia 11 de Dezembro, onde ocorrerá a final estadual (Sampa Bowl) onde o Campeão da Conferência Metropolitana enfrenta o Campeão da Conferência Caipira.

    No mais, excelente matéria!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *